Eu sei como vai terminar,e como de tudo depois eu vou gostar.Sei como é bom chorar agora,pra poder lembrar.Sei também que não há nada que me possa mais fazer querer que a própria vontade de viver.Sei,por mais que tudo,que o dia transcorre como transcorreu ontem,e chegou o hoje.Sinto,e minto,que o mundo inteiro é meu e de sol(o) foi feito eu.Sei que nem ninguém quiserá ver o que eu quis escrever.Sei que de passos são feitos e de música são eleitos.Ah,como sei.Que no seio da pátria me fiz,só pra um dia gritar que fui feliz.E nem me importa entender,ou mesmo tentar corretamente transcrever o que meus lábios não param de repitir.Sei,que em algum momento o som vai ter que parar,e tudo isso vai fechar.Sei que nada disso vai acontecer se eu continuar aqui,sem me mexer.E aí,como eu sei,que o que eu mais quero é ser.Saberei um dia porque nasci,e quanto sorri.E há um dia,em que ei de saber,o quão sábio serei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s