-Sabe Doutor,eu vim aqui,porque eu sei qual é o meu problema.Pode largar esse seu papel aí,que nem vai precisar diagnosticar.Se você insistir,pode pedir alguns exames,só pra confirmar.Ah,e não me olha com essa cara não.Vim até aqui só pra esclarecer,pra que ninguém fique surpreso quando acontecer.Então,se o senhor puder fazer o favor de me dar um atestado e uma receita,eu saio logo do seu consultório.Até porque,não tem coisa mais deprimente do que consultório de médico.Aposto até que vocês fazem tratamentos uns com os outros,né.Só assim mesmo pra conseguir aguentar.Enfim,não precisa me fazer perguntas,eu não sinto nada a respeito de coisa alguma.E olha que essa nem é a minha maior doença.Só vim mesmo pra deixar claro que voz nenhuma me mandou fazer qualquer coisa,e que habitante desse corpo,só tem eu.Ah,e antes que eu me esqueça,vou deixar aqui na sua mesa uma cópia dos meus sonhos.Quem sabe né,o senhor descobre alguma coisa mais interessante à luz de Jung.Bom,obrigada.Quando acabar essa caixa,é só vir aqui e pegar outra né?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s